domingo, abril 01, 2012

Parque de Lazer dos Fóios

"Durante alguns anos a Junta de Freguesia de Foios, dentro das possibilidades, foi adquirindo alguns lameiros e hortas que se localizavam na zona da recova, onde o rio Côa atravessa e divide a freguesia.

A parte que fica situada na margem esquerda, também conhecida por Sortelha, já pertenceu a essa vila visto que o rei D. Dinis havia decretado que todos os territórios que se situassem na margem esquerda do Côa teriam esse destino.

Então na margem esquerda, no referido sítio da Recova, pensou a Junta, há alguns anos, implantar um espaço de lazer. É caso para dizer que custou mas foi. A Junta de Freguesia adquiriu uma dúzia de espaços, terrenos que eram demasiado alagadiços e pouco produtivos, na sua maioria.

Desde há três ou quatro anos a esta parte a grande preocupação foi encher esses dois hectares, com cerca de um metro e meio de entulho, tarefa que também não foi muito fácil.

Mas como alcança quem não cansa nunca desistimos e presentemente estamos a ver coroado de êxito o esforço de alguns anos.

O parque de lazer ainda não está como ambicionamos mas, certamente, que havemos de lá chegar.

Para além da piscina fluvial implantámos um telheiro com mesas e bancos onde fojeiros e outros amigos vão passando uns bons bocadinhos.

Nos últimos tempos o nosso amigo Nando, do Sabugal, começou a incutir-nos o interesse pelo apoio às auto caravanas.

Depois de nos ter elucidado, convenientemente, acabámos por entender que poderíamos avançar nesse sentido. Depois de tudo bem ponderado decidimos meter mãos à obra e cremos que dentro de duas ou três semanas teremos o espaço em condições de podermos receber as cerca de trinta caravanas que irão estar nos Foios, por dois ou três dias, na segunda quinzena do presente mês de Abril.

Já depois de termos combinado a vinda deste grupo de caravanistas fomos contactados por um outro a solicitar a devida autorização para também poderem estacionar no parque durante os dias 15-16 e 17 de Junho. Sejam todos bem vindos!

O amigo e Sr. Nando para além de nos ter motivado ainda fez o favor de nos oferecer alguns equipamentos que ele próprio construir de acordo com os excelentes conhecimentos que tem nessa matéria.

Também não poderemos deixar de reconhecer e de referir o apoio que nos tem sido prestado pelo nosso Município nas pessoas dos Senhores Eng.ºs Tavares, Miguel Neto, Zé Eduardo, operadores de máquinas e outro pessoal.

Temos plena consciência das nossas limitações financeiras e, por isso, vamos solicitando os apoios possíveis. Mas, como diz o ditado, grão a grão enche a galinha o papo.

Foi também com muito entusiamos que demos início à construção de um quiosque e de uns sanitários que sabemos fazerem imensa falta.

Sabendo que turismo é futuro pretendemos continuar a investir nestes equipamentos. Assim se vai vencendo a crise."


Autor: José Manuel Campos

Enviar um comentário